Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

SAÚDE
Secretaria de Saúde realiza ações de combate a dengue no município

Publicado em 21/03/2022 às 15:43 - Atualizado em 21/03/2022 às 15:44

Durante esta semana, agentes de saúde e agentes de endemias estiveram em alguns locais do município realizando uma ação de combate a dengue utilizando os métodos indicados pelo sistema Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti – LIRAa/LIA. O Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti consistem em um método simplificado para obtenção rápida de indicadores entomológicos e permite conhecer a distribuição do vetor Aedes aegypti . Durante a ação são realizados levantamentos sobre as armadilhas que são colocadas nos locais onde há focos com objetivo de fiscalizar os criadouros do mosquito transmissor da dengue. Nenhum caso de dengue foi registrado no município neste ano, porém, segundo a Secretaria de Saúde, há muitos focos e larvas do mosquito em vários locais, e alguns municípios da região já estão com altos números de contaminação, portanto a preocupação em reforçar os trabalhos de combate ao mosquito transmissor da dengue, zika vírus e febre chikungunya.

É importante que a população também faça sua parte mantendo todos os cuidados necessários para que não haja proliferação do mosquito.
Confira abaixo algumas dicas de combate orientadas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica (DIVE) da Secretaria de Estado da Saúde de Santa Catarina:
Evite usar pratos nos vasos de plantas. Se usar, coloque areia até a borda;
Guarde garrafas com o gargalo virado para baixo;
Mantenha lixeiras tampadas;
Deixe os tanques utilizados para armazenar água sempre vedada, sem qualquer abertura, principalmente as caixas d’água.
Plantas como bromélias devem ser evitadas, pois acumulam água;
Trate a água da piscina com cloro e limpe-a uma vez por semana;
Mantenha ralos fechados e desentupidos;
Lave com escova os potes de comida e de água dos animais, no mínimo uma vez por semana;
Retire a água acumulada em lajes;
Dê descarga, no mínimo uma vez por semana, em vasos sanitários pouco usados e mantenha a tampa sempre fechada;
Evite acumular entulho, pois podem se tornar criadouros do mosquito.

Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar