---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Infanto-Juvenil: campanha online

Publicado em 18/05/2020 às 19:09 - Atualizado em 18/05/2020 às 19:09

18 de maio é o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Infanto- Juvenil. Esta data infelizmente marca uma realidade que ainda precisa ser combatida diariamente. É uma luta que se faz necessária e precisa contar com a participação de toda a sociedade intensificando a prevenção. 

Todo ano os meios de Assistência Social fazem uma campanha intensa e presencial sobre o tema, porém, como atualmente vivencia-se uma pandemia a qual impôs muitas mudanças como a do isolamento e distanciamento social, a campanha deste ano será online. 

Para não passar em branco uma data com um tema tão atual e importante, a Secretaria de Assistência Social do município, com o apoio do Centro de Referência da Assistência Social- CRAS, Conselho Municipal da Criança e do Adolescente de Ipuaçu- CMDCA e Conselho Tutelar, preparou em parceria com o Projeto Flor Ser na Web uma cartilha de informações e combate ao abuso. 

Além da cartilha o grupo teatral Flor e Ser também preparou uma série de vídeos temáticos. A cartilha e os vídeos estão sendo disponibilizados para as escolas estarem enviando aos alunos de maneira online, aproveitando os grupos criados para as aulas remotas durante a pandemia. 

Outra ação desenvolvida pelas entidades foi a colocação de cartazes sobre o tema nos pontos públicos, privados e comerciais da cidade. 

A violência sexual ocorre em diferentes ambientes e de diferentes formas e muitas vezes sem testemunhas. Outro fato que colabora para a permanência dos crimes é que as crianças vítimas, em boa parte dos casos, não têm noção do que é o abuso sexual. Por isso a importância da conscientização de todos. É necessário estar atento a todos os sinais. Acompanhar o uso do celular também é uma medida necessária.

O combate a estes crimes depende da ação de cada um. Denuncie o abuso e a exploração sexual através dos canais de denúncia: 

-Conselho Tutelar (49) 34490371 e (49) 998328335

-Disque 100